BATIZOCO: “NÃO ACEITO INTERFERÊNCIA EXTERNA NO MEU TRABALHO EM CAMPO”

O treinador deixa o Vilhenense na liderança do Grupo B com 14 pontos somados em 18 possíveis 

Foto: Rogério Perucci

Na última sexta-feira, 27, a diretoria do Vilhenense Esportivo Clube anunciou a demissão do treinador Tiago Batizoco. Nesta segunda, o agora ex-técnico no Leão se manifestou pela primeira vez após a saída do clube.

Batizoco afirmou ter convicção que sua metodologia de trabalho e as elaborações dos planos de jogos foram bem feitas. Embora não tenha entrado em detalhes, Batizoco declarou: “Não aceito interferência externa no meu trabalho dentro de campo com meus comandados. Ali dentro é comigo e a comissão técnica”, afirmou.

Ao sair do clube, Batizoco deixa o Vilhenense na primeira colocação do Grupo B com 14 pontos conquistados. Somadas as duas passagens do treinador pelo Vilhenense, Batizoco esteve a frente da equipe em 20 jogos, dos quais conquistou 12 vitórias, seis empates, e apenas duas derrotas.

Fonte: Folha do Sul