Esporte RO

Rondoniense fica no empate com o Guajará

Com o resultado, o Rondoniense precisa vencer o Vilhenense na última rodada para ficar com o título do 1º turno

 

POR REDAÇÃO

 

Créditos: Alexandre Almeida

O Rondoniense ficou no empate na tarde deste domingo com o Guajará em 0 a 0 no estádio João Saldanha, e assumiu a liderança provisória do primeiro turno do Campeonato Estadual 2018. A partida foi válida pela sexta rodada da competição.

 

Com o resultado, o Guajará chegou aos cinco pontos e segue na sétima colocação, enquanto que o Rondoniense chegou aos 11 pontos e assumiu a liderança provisória do Estadual.

 

Na próxima rodada, o Guajará enfrentará no sábado o VEC no estádio Portal da Amazônia, em Vilhena. Já o Rondoniense terá pela frente no mesmo dia o Vilhenense no estádio Aluízio Ferreira, em Porto Velho.

 

O Jogo – Mesmo atuando fora de casa, o Rondoniense começou bem e antecipando a marcação em cima do adversário. Já o Guajará buscava explorar os espaços deixados pelo Periquito da Capital. Aos 19’, o Fábio Gomes fez falta e tomou o cartão amarelo. E, em seguida, reclamou veementemente, peitou o árbitro Mezaque Guimarães e acabou sendo expulso.

 

Com mais espaço em campo, o Guajará passou a oferecer maior perigo nos contra-ataques. Aos 28’, Tanaka fez jogada pela direita e tocou na entrada da área para Lucas Real, que finalizou, mas o goleiro Raphael Alemão defendeu. Aos 35’, Wellington recebeu no bico da área e finalizou forte, mas o goleiro Raphael Alemão fez grande defesa. Aos 44’, Ramón lançou Wellington, que ganhou em velocidade do seu marcador e bateu cruzado, mas a bola foi para fora.

 

Aos 45’, Marcolino encontrou Índio sozinho dentro da área, que dominou e chutou forte para fora.

 

Para a segunda etapa, o Rondoniense melhorou sua postura em campo e passou a pressionar o adversário. Aos 23’, Weslen Bú cobrou escanteio, a zaga do Guajará não conseguiu afastar e a bola sobrou dentro da área para Lucas Daniel que bateu por cima do gol.

 

Aos 26’, o Guajará chegou com Bibio em cobrança de falta, mas o goleiro Raphael Alemão defendeu no centro do gol. Aos 30 minutos, o árbitro Mezaque Guimarães teve uma crise de câimbra nas pernas e teve que ser trocado por Mário Roberto da Costa.

 

Aos 46’, Diego Norberto fez falta em Marcolino e acabou sendo expulso de campo.

 

Fonte: Futebol do Norte

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *