Esporte RO

Atlético-MG e Santos vencem e largam na frente

Jogando em casa, o Atlético-MG derrotou o Juventude por 1 a 0 e o Santos bateu o Internacional por 2 a 1 na Vila

 

Por Assessoria CBF

 

 

Créditos: Ivan Storti/ Santos

Créditos: Ivan Storti/ Santos

As quartas de final da competição mais democrática do país começaram a ser decididas nesta quarta-feira (28). Como de costume em todos os jogos de Copa do Brasil, não faltou emoção. Nos primeiros duelos da noite, dois Alvinegros fizeram o dever de casa e venceram, conquistando vantagem para a volta. O Atlético-MG derrotou o Juventude por 1 a 0 e o Santos bateu o Internacional por 2 a 1.

No Mineirão, o Atlético começou melhor e precisou de apenas 17 minutos para abrir o placar. Lucas Pratto serviu Carlos Cesar e o lateral rolou para o atacante argentino balançar a rede. O Juventude respondeu aos 30, com chute de Roberson que parou no travessão. Aos 47, Roberson recebeu de Paraná na esquerda, avançou e bateu forte. Victor fez grande defesa para salvar os mineiros. Na etapa final, aos cinco, Wallacer recebeu de Roberson na pequena área e bateu para fora, levando muito perigo. O Galo chegou bem novamente aos 19. Pratto recebeu de Robinho e arriscou a finalização. O goleiro Elias fez boa defesa e salvou o time de Caxias do Sul (RS). Aos 23 minutos, Carlos César fez falta dura em Wanderson e acabou expulso. A partir daí, o Alvinegro diminuiu o ritmo, trocando mais passes na defesa, e o Ju não conseguiu aproveitar, com o placar ficou mesmo no 1 a 0.

O jogo da volta entre Atlético e Juventude está marcado para o próximo dia 19, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS). O Galo terá a vantagem do empate para avançar às semifinais da Copa do Brasil.

Na Vila Belmiro, o Internacional quase surpreendeu o Santos logo no primeiro minuto. Em contra-ataque, Nico López driblou o marcador e bateu para fora, assustando Vanderlei. Quatro minutos depois, Lucas Lima cortou para a perna esquerda e arriscou a finalização. O goleiro Danilo Fernandes fez grande defesa e salvou o Colorado. Já na etapa final, aos três minutos, Lucas Lima deu ótimo passe para Zeca, o lateral cruzou rasteiro e Copete só desviou para abrir o placar. Sete minutos depois, Lucas Lima tabelou com Victor Ferraz, que rolou rasteiro e Rodrigão chegou batendo para ampliar a vantagem do Peixe. O Inter conseguiu descontar aos 26 minutos, com Vitinho cobrando falta da esquerda e Seijas desviando para o gol, e deixou a situação menos complicada para a volta.

O próximo duelo entre as equipes está marcado para o dia 19, no Beira-Rio, em Porto Alegre (RS). O Santos tem a vantagem do empate para avançar às semifinais da competição. Com o gol marcado fora de casa, o Inter se classifica em caso de vitória por 1 a 0.

Fonte: CBF

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *