Esporte RO

Quem é quem? Brasil tenta ressurgir contra craques da Colômbia

EM INVERSÃO DE PAPÉIS HISTÓRICOS, SELEÇÃO ESTREIA TÉCNICO DUNGA E TENTA JUNTAR CACOS DIANTE DE VIZINHO BADALADO, MILIONÁRIO E, PASMEM, FAVORITO

dunga-brasil-brunodomingos-mowa2 - CópiaUma seleção tem o artilheiro da última Copa do Mundo e um atacante valorizado, recém-contratado por um dos clubes mais poderosos da Europa com um salário de milhões de reais por semana. Ambos comandados por um técnico tão aprovado, que renovou seu contrato até 2018. A outra equipe tem no retorno do treinador que ocupou o cargo entre 2006 e 2010, o maior trunfo para tentar juntar os cacos depois de um vexame histórico, que custou prestígio e credibilidade. Quem é o Brasil e quem é a Colômbia?

O futebol mudou, realmente. Os valores tradicionais relativos ao esporte não são mais os mesmos. Nesta sexta-feira, não será exagero algum dizer que os colombianos são favoritos contra os brasileiros no primeiro amistoso de ambos depois do Mundial. As duas seleções duelam às 22h (de Brasília), em Miami, e a TV Globo, o GloboEsporte.com e o SporTV transmitem o jogo. O site também acompanha em Tempo Real.

Em ascensão, com cada vez mais relevância no cenário internacional, a Colômbia ocupa uma posição superior à do Brasil no ranking da Fifa: é a quarta, enquanto os pentacampeões estão em sétimo, empatados com a Espanha.

A missão da nova Seleção, comandada por Dunga, com a presença de tetracampeões como Gilmar Rinaldi, Taffarel e Mauro Silva em sua comissão, é restabelecer a ordem. Fazer com que o Brasil seja, novamente, favorito diante dos vizinhos sul-americanos e de qualquer adversário.

– A Colômbia sempre teve jogadores dotados tecnicamente, agora conseguiu equilibrar técnica e disciplina tática. Nós estamos recomeçando, temos de aproveitar para reescrevermos nossa história. É como no vôlei, no basquete… Os outros cresceram muito, mas quem era referência não deixou de ser. Temos de ter humildade e saber que temos de dar passos atrás para continuar o caminho lá na frente, e não suportar uma ideia que não é mais a mesma – disse Dunga.

treino-colombia-alexandrelozettiEm desvantagem também por ter assumido no mês passado, enquanto o argentino José Pekerman já dirige a Colômbia há quatro anos e renovou até a Copa da Rússia, o técnico brasileiro optou por uma equipe mais experiente para seu primeiro desafio.

Se o rival aposta em James Rodríguez, contratado pelo Real Madrid por R$ 240,5 milhões, e Falcao García, que receberá cerca de R$ 1 milhão por semana em seu contrato de empréstimo com o Manchester United, o Brasil tem na volta de Neymar sua maior esperança. Será seu reencontro com Zúñiga, jogador que acertou uma joelhada em suas costas em partida pelas quartas de final da Copa, vencida por 2 a 1 pela seleção pentacampeã, e tirou o craque do restante do torneio.

Ao lado do atacante do Barcelona, sete remanescentes do vexame da Copa serão titulares: Jefferson, Maicon, David Luiz, Luiz Gustavo, Ramires, Oscar e Willian.

BRASIL Jefferson, Maicon, Miranda, David Luiz e Filipe Luís; Luiz Gustavo, Ramires, Oscar e Willian; Neymar e Diego Tardelli. Técnico: Dunga

COLÔMBIA Ospina, Zúñiga, Zapata, Valdés e Armero; Sánchez, Guarín, Cuadrado e James Rodríguez; Teo Gutierrez e Falcao García. Técnico: José Pekerman

Fonte: Globosporte.com
Texto: Alexandre Lozetti e Márcio Iannacca

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *